VIVAGrant 2019-01-23T13:38:43+00:00

VIVAGrant

O VIVAGrant surgiu pela vontade de ajudar os estudantes! A grande maioria dos estudantes das áreas de biológicas (Oceanografia, Biologia, Veterinária) que se importam, admiram e respeitam os animais precisam de ajuda financeira para desenvolver seus importantes trabalhos. Os VIVAGrant´s são auxílios financeiros de ajuda de pesquisa de campo, ou auxílio financeiro para participação em congressos. É oferecido somente para estudantes brasileiros que estejam cursando universidades brasileiras, para estudantes que estejam desenvolvendo pesquisas não invasivas com espécies em risco de extinção e que seus estudos levem ao aumento do conhecimento sobre a espécie e consequentes ações que ajudem na sua conservação.

 VIVAGrant- Auxílio Pesquisa: Inscrições abertas

Para solicitar e concorrer ao VIVAGrant -Auxílio Pesquisa- É necessário enviar um e-mail com os dados do estudante, um resumo de até 500 palavras sobre a pesquisa, mencionando a metodologia de coleta de dados, qual valor necessário e para qual finalidade.

O e-mail deverá ser enviado para contato@viva.bio.br com o seguinte título: VIVAGrant – Auxílio Pesquisa.

Lembrando que o VIVA Baleias, Golfinhos e cia só oferece o VIVAGrant para pesquisas não invasivas.

VIVAGrant 2019

Auxílio congresso

Larissa Dalpaz

 Congresso: 2nd World Marine Mammal Science Conference-23rd Conference on the Biology of Biology of Mammals- Barcelona, Espanha- Dezembro 2019 
Trabalho: Estrutura populacional de baleias-de-bryde (Balaenoptera brydei) na Bacia de Santos.
 

Considerando que as baleias-de-bryde estão entre as baleias menos conhecidas no mundo, buscaremos determinar sua estrutura populacional na Bacia de Santos através de fontes de informação múltiplas e complementares. Testaremos a hipótese de que há estrutura espaço-temporal regida pelos habitas costeiro e oceânico. Compreender esta estrutura populacional é fundamental para conservação e mitigação dos impactos aos quais estes animais podem estar expostos e são especialmente urgentes para a Bacia de Santos em virtude da crescente exploração de petróleo e gás na região. Adicionalmente, nossos resultados poderão contribuir com o delineamento dos ecótipos propostos para a espécie.

VIVAGrant 2018

Auxílio congresso

Sebastián Álvarez-Costes

Congresso: XII Congresso de la Sociedade Latinoamericana de Especialistas en Mamíferos Acuáticos- RT 18 Lima, Peru – Novembro de 2018

Trabalho: Posibles promotores del polimorfismo histocompatible MHC-DQB1 en Cetáceos: Un modelado de decisión arborescente

¿Cuáles son las fuerzas evolutivas y cómo han determinado el polimorfismo génico funcional de las poblaciones? El
objetivo de este trabajo fue explorar cómo las características ecológicas y demográficas de 18 especies de cetáceos
influencian la diversidad genética del Mhc II DQB-1.

Auxílio congresso

Jasivi Arcos

Congresso: XII Congresso de la Sociedade Latinoamericana de Especialistas en Mamíferos Acuáticos- RT 18 Lima, Peru – Novembro de 2018

Trabalho: Evaluación del estado de salud del rorcual común (Balaenoptera physalus) en el Golfo de California

El rorcual común del Golfo de California constituye una población residente. Actualmente se desconoce su estado de
salud y si existen cambios a lo largo del tiempo.

Auxílio congresso

Gloria Arevalo

Congresso: XII Congresso de la Sociedade Latinoamericana de Especialistas en Mamíferos Acuáticos- RT 18 Lima, Peru – Novembro de 2018

Trabalho: ¿Será el Manatí Antillano Trichechus manatus manatus un agente dispersor de especies vegetales?

Se ha visto que dugones y manatíes incentivan la producción primaria, la reproducción vegetativa y la dispersión de
semillas de las plantas que consumen, principalmente mediante la fragmentación de estructuras vegetativas durante
el ramoneo, y el entierro/desentierro de estructuras reproductivas.

Auxílio congresso

Haidé Cruz Villagrán

Congresso: XII Congresso de la Sociedade Latinoamericana de Especialistas en Mamíferos Acuáticos- RT 18 Lima, Peru – Novembro de 2018

Trabalho: Diversidad haplotípica del cachalote (Physeter macrocephalus) en el Golfo de Califonia.

El cachalote (Physeter macrocephalus) es una especie que a nivel global presenta una amplia distribución y una
baja diversidad genética. En el caso del Golfo de California, México, se considera que este sitio es importante para
la alimentación, reproducción y crianza de esta especie, no obstante lo anterior existe poca información relativa a
su estructura genética dentro del área.

Auxílio congresso

Guilherme Maricato

Congresso: XII Congresso de la Sociedade Latinoamericana de Especialistas en Mamíferos Acuáticos- RT 18 Lima, Peru – Novembro de 2018

Trabalho: Ocorrência, movimentos e fidelidade de área de Tursiops truncatus truncatus no estado do Rio de Janeiro, Sudeste do Brasil

Os objetivos do presente estudo foram analisar a ocorrência, os movimentos e a fidelidade de área da subespécie
oceânica do golfinho-nariz-de-garrafa-comum (Tursiops truncatus truncatus) na região do Cabo Frio e na cidade do
Rio de Janeiro através da análise de captura e recaptura dos indivíduos foto-identificados.

Auxílio pesquisa

Julia Dombroski – Projeto Baleia Franca (Eubalaena australis)

Trabalho: Comportamento vocal de pares de mãe e filhote
de Baleia Franca Austral.

A comunicação acústica típica entre mães e filhotes de baleia-franca (Eubalaena australis) ainda é pouco conhecida. Devido à importância deste subgrupo para a recuperação da população, tal conhecimento é vital para entender melhor o sistema de comunicação entre elas a fim de melhor proteger este segmento vulnerável da espécie, gerando informações para o monitoramento e gestão de ações conservacionistas na região onde ocorrem.

Auxílio pesquisa

Instituto Boto Cinza

Devido ao surto do Morbilivirus e grande mortalidade na população de Boto Cinza (Sotalia guianensis) da região de Rio de Janeiro e litoral Norte de São Paulo, atenção especial foi dada à essa população. Saídas de pesquisa foram necessárias para avaliar a situação dos animais e foto identificar os indivíduos da população.

Auxílio pesquisa

Gabriel dos Santos / Projeto Botos da Costa Verde

Gabriel dos Santos participou das atividades do Projeto Botos da Costa Verde, coordenado pelo Laboratório de Bioacústica e Ecologia de Cetáceos localizado na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e o Grupo ECONSERV. O Projeto visa investigar as áreas preferenciais usadas pelo boto-cinza (Sotalia guianensis) na baía de Sepetiba e Ilha Grande, assim como os impactos das atividades humanas no comportamento e na comunicação desses animais. Realizado desde a década de 90, o projeto estuda a espécie que é considerada como “vulnerável” pelo Livro Vermelho de Espécies Ameaçadas de Extinção e é considerada uma das dez espécies mais ameaçadas no estado do Rio de Janeiro.

VIVAGrant 2017

Auxílio Congresso

Adriana Miranda

Congresso: 22nd Biennial Marine Mammal Conference in Halifax, Outubro 2017.
Trabalho: Modeling population density and distribution to identify priority conservation zones: a case study of Guiana dolphins in southern Brazil.

Auxílio Congresso

Gabriel dos Santos

Congresso: 22nd Biennial Marine Mammal Conference in Halifax, Outubro 2017.
Trabalho: Is there geographical variation in whistles of the genus Sotalia? A distribution-wide approach.

VIVAGrant 2016

Auxílio pesquisa

Maria Isabel Carvalho Gonçalves

Trabalho: Uso de habitat, comportamento e emissões acústicas das Baleias-jubarte (Megaptera novaeangliae) na região de Serra Grande – Bahia.

Ir para o topo